Sexta, 14 de Dezembro de 2018
   
Texto

Capitão da PM de Alagoas ministra aula inaugural do II Estágio de Ações Táticas Especiais em Aracaju, SE


PM de Sergipe realiza solenidade de abertura do II Estágio de Ações Táticas Especiais 
 
Nessa segunda-feira (03), a Polícia Militar de Sergipe realizou a abertura do II Estágio de Ações Táticas Especiais (EATE), utilizado como requisito para entrada no Comando de Operações Especiais da PMSE, unidade que atua com exclusividade no atendimento de ocorrências de alta complexidade. O evento ocorreu no auditório do Ministério Público, em Aracaju, e contou com a participação de autoridades civis e militares.
 
Durante o estágio, os alunos serão instruídos e capacitados a alcançarem as habilidades exigidas para compor o efetivo do COE, aprimorando e desenvolvendo controle emocional, disciplina consciente, espírito de corpo, flexibilidade, honestidade, iniciativa, lealdade, liderança, perseverança e versatilidade, sendo esses os 11 mandamentos que regulam a doutrina das operações especiais.
 
Dos 53 militares que realizaram a inscrição, apenas 22 policiais estão aptos a começar o curso, entre eles uma mulher, após serem submetidos a dez modalidades de provas de aptidão física, como apneia, salto de plataforma, flutuação, natação e corrida. O segundo EATE ocorrerá no período de 03 a 17 de dezembro de 2018, em regime de internato, com carga horária de 200 horas/aula, dividida entre teoria e prática.
 
Na ocasião foi realizada a aula inaugural do curso com o tema: A importância da tríade operador x treinamento x equipamento para a atividade das unidades de operações especiais, ministrada pelo capitão PM Victor Luiz de Almeida, do Batalhão de Operações Policiais Especiais da Polícia Militar do Estado de Alagoas.
 

Capitão Victor Luiz de Almeida do BOPE da PM de Alagoas ministrou aula inaugural
 
Na mesa de abertura da aula estiveram presentes o subcomandante da PMSE, coronel Paulo Paiva; o comandante e o subcomandante do Comando de Operações Especiais da PMSE, capitães Fábio Alcântara e Weniston Queiroz, respectivamente; além do coordenador do Cope, André David; e do superintendente do Sesi em Sergipe, Acrízio Campos.
 
Fonte: Ascom/PMSE
Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter

ATENÇÃO

ACESSO À INFORMAÇÃO

Banner

SEMINÁRIO

PESQUISE NO SITE

INFORMATIVOS

Banner
Banner
Banner

DISQUE DENÚNCIA

Banner

LINK CNCG

ALAGOAS EM DADOS E INFORMAÇÕES

Banner