Segunda, 27 de Maio de 2019
   
Texto

Diretoria de Ensino planeja ações para reconhecimento de cursos da PM na comunidade acadêmica


Em janeiro de 2019, PM iniciou cursos de Habilitação (CHOAE) e Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO)
 
A Polícia Militar de Alagoas, por meio da Diretoria de Ensino (DE), vem planejando ações para que os cursos oferecidos pela Corporação aos seus militares sejam chancelados por unidades de ensino superior do estado, e consequentemente, reconhecidos pelo Ministério da Educação.
 
O objetivo é que o curso de Habilitação de Oficiais (CHO), seja credenciado como graduação tecnológica, e os cursos de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO) e Superior de Polícia (CSP) como pós-graduações, tendo em vista que o Curso de Formação de Oficiais (CFO) já tem status de graduação e é chancelado junto ao MEC por meio de parceria com a Universidade Federal de Alagoas (Ufal).
 
“Nós queremos é dar a importância devida que os cursos ofertados pela Corporação, em especial pela Academia de Polícia Senador Arnon de Mello, merecem. Precisamos trabalhar pela institucionalização do ensino, para que os cursos sejam reconhecidos não só no meio militar, mas também pela comunidade acadêmica”, afirmou o subdiretor de Ensino da PM, tenente-coronel Roberto Júnior.
 
A futura parceria com estas Instituições de ensino superior vem se estabelecendo numa perspectiva de aumentar o roll de possibilidades de formação e aperfeiçoamento da tropa, podendo se concretizar na criação de pós-graduações direcionadas ao conjunto dos militares.
 

Racionalizado as tomadas de decisões
 
Dentro da Corporação, a Diretoria de Ensino efetua o planejamento das ações ligadas a formação da tropa, que resulta na elaboração das Normas para o Planejamento e Conduta do Ensino (NPCE), publicadas através de portaria emitida pelo comando-geral da Corporação no início de cada ano. As diretrizes estabelecem a execução dos cursos e estágios, sendo esta condicionada ao interesse da Administração Pública e a existência de disponibilidade orçamentária e financeira.
 
Para a elaboração da NPCE/2019, a Diretoria de Ensino se valeu de um conjunto de informações obtidas por meio de uma consulta de intenções sobre as perspectiva de formação abrangendo aproximadamente 20% do efetivo da Corporação, aproximando o documento das expectativas da tropa e dos objetivos estratégicos do comando.
 
Nesta seara, desde o ano passado a DE vem trabalhando com o Grupo de Estudos Estratégicos em Segurança Pública da Policia Militar de Alagoas, visando a identificação dos problemas existentes no Sistema de Ensino da Corporação que impactam de maneira direta nas atividades operacionais.
 

Novo edital para credenciamento
 
A Diretoria de Ensino também trabalha na elaboração de um novo edital de credenciamento para as atividades de instrutoria e docência do Sistema de Ensino da PM. Atualmente, as atividades são regidas pelo Edital nº 027 de 2015, publicado em dezembro daquele ano. Uma das modificações está no critério de chamamento, que até então se efetiva por meio de sorteio e passaria a ser através de prova de título e experiência do docente.
Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter

ATENÇÃO

Campanha PMAL

CONVENIO

PESQUISE NO SITE

ACESSO À INFORMAÇÃO

Banner

INFORMATIVOS

Banner
Banner
Banner

DISQUE DENÚNCIA

Banner

LINK CNCG

ALAGOAS EM DADOS E INFORMAÇÕES

Banner