Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Sexta, 29 Novembro 2019 15:31
NO INTERIOR

2ª Companhia Independente apreende armas de fogo e drogas em Joaquim Gomes e Colônia Leopoldina

Durante ações, foram registradas prisões e apreensão de adolescente

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Whatsapp
  • Google +
Material apreendido durante ação em Colônia Leopoldina, no Norte de Alagoas Material apreendido durante ação em Colônia Leopoldina, no Norte de Alagoas

Em duas ações distintas, equipes da 2ª Companhia de Polícia Militar Independente (CPM/I) registraram prisões, apreensões de armas de fogo e entorpecentes nos município de Joaquim Gomes e Colônia Leopoldina, ambos na região Norte de Alagoas.

Nessa quinta-feira (28), o Pelotão de Operações Policiais Especiais (Pelopes) e a Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), em conjunto com agentes da Polícia Civil, prenderam duas pessoas e apreenderam um menor de idade acusados do cometimento de diversos crimes, como tráfico de drogas e roubos na rodovia BR-101 e em propriedades rurais.

Com eles, os policiais apreenderam uma carabina calibre 38 e nove munições, sendo seis delas deflagradas e as demais intactas, além de uma motocicleta Honda CG 150 roubada. A ação contou com levantamentos realizados pelo Serviço de Inteligência da 2ª CPM/I.

Os envolvidos foram encaminhados ao 110º Distrito Policial para a realização dos procedimentos cabíveis.

29 11 2019 2cpmi1

 

Já na última quarta-feira (27), os militares também numa ação conjunta com a Polícia Civil deram cumprimentos a Mandados de Prisão e Busca e Apreensão durante a Operação Princesa. Durante a ação policial, Ricardo Capitulinoda Silva, de 39 anos; Vanessa Maria dos Santos Silva, de 27 anos; Elielton Ferreira Ramos da Silva, de 20 anos; e José Eliel Ferreira Ramos, de 18 anos, foram presos. O grupo vinha sendo monitorado há cerca de três meses.

Com a quadrilha, as polícias apreenderam uma espingarda calibre 12 com duas munições, 125 gramas de maconha e dez gramas de crack, além de R$ 2.927,00, que segundo as investigações é proveniente da comercialização de entorpecentes, que foram adquiridos em Pernambuco. Celulares, sacos plásticos e um caderno com anotações do tráfico também foram encontrados.

O grupo foi levado até o 108º Distrito Policial para que fosse apresentado à Polícia Judiciária e, em seguida, foi dado procedimentos com as medidas cabíveis.