Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Sábado, 30 Novembro 2019 19:02
JORNADA

Em Pilar, comitiva da Polícia de São Paulo conclui visita técnica à PM-AL

Oficiais da PMESP conheceram trabalho integrado do Cisp e números da Segurança Pública na região

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Whatsapp
  • Google +
Visitantes conheceram o trabalho no Cisp de Pilar Visitantes conheceram o trabalho no Cisp de Pilar

Dando prosseguimento à série de visitas técnicas em território alagoano, a comitiva de oficiais da Polícia Militar do Estado de São Paulo foi até a cidade do Pilar, região metropolitana de Maceió. Ao longo da última semana, 17 oficiais da Polícia Militar de São Paulo, sendo um tenente-coronel e 16 capitães integrantes do Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO-II/19), realizaram visitas de estudo técnico a diversas dependências de unidades e setores da PM-AL.

 

No último dia de visitação, nesta sexta-feira (29) o grupo foi recebido pelos militares do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM) no Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) tipo II, localizado na cidade para conhecer a estrutura, funcionalidade e resultados da segurança pública na região.


 

A visita às instalações do prédio de 1.340 metros que abriga PM e PC foi guiada pelo capitão Phelipe Rogério, subcomandante do 8º BPM (unidade responsável pelo policiamento dos municípios de Rio Largo, Messias, Satuba, Pilar Coqueiro Seco e Santa Luzia do Norte). Coube ao capitão Victor Pinheiro, P3 da unidade, apresentar o funcionamento e os expressivos números da redução da criminalidade na região a partir da atuação das forças de segurança estaduais.

 


“A segurança pública em todo o Estado e no Pilar vive um novo momento. Para nós é uma honra receber os senhores e compartilhar experiências. A Polícia Militar de Alagoas sempre estará de portas abertas para a nossa coirmã. Esperamos que levem referências positivas do trabalho de nossa corporação e da nossa terra”, disse o comandante do 8º BPM, tenente-coronel Rocha Lima em recepção aos visitantes.


Os militares da PMESP também foram recepcionados pelo prefeito de Pilar, Renato Filho. O dia de aprendizado encerrou diante de uma das mais belas paisagens do município, com um almoço na orla lagunar às margens da Manguaba.

 

O comandante da comitiva, o tenente-coronel Sergio Nonato, falou em nome da coirmã. “Viemos conhecer e aprender com os abnegados amigos da Polícia Militar sobre o policiamento e suas peculiaridades. Ficamos impressionados com a estrutura do Cisp e com o trabalho desenvolvido e, claro, agradecemos a hospitalidade”, disse o oficial superior. 

 

Jornada


As atividades integram a Jornada Nacional de Polícia Comparada para o Programa de Mestrado Profissional em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública.


 

A visitação tem por objetivo proporcionar encontros técnicos e científicos, visando o aperfeiçoamento profissional, o intercambio cultural e a integração social e comunitária dos seus integrantes, além de conhecer sobre o funcionamento de nossa corporação, que atualmente é destaque nacional, em razão da redução significativa dos índices de violência registrados em Alagoas.

 


Na segunda-feira (25), os militares estiveram na sede do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE). Na terça-feira (26), os paulistas conheceram as dependências da Academia de Polícia Militar Senador Arnon de Mello (APMSAM) e do Regimento de Polícia Montada (RPMon). Na quarta-feira (27), foram recebidos pelo comandante-geral da PM-AL, coronel Marcos Sampaio, no Quartel do Comando Geral, no Centro e de lá seguiram para o Batalhão de Polícia de Radiopatrulha (BPRp) e para a Secretaria de Segurança Pública de Alagoas (SPP-AL).

 

Na quinta-feira (28), foi a vez do Gerenciamento de Crises, Direitos Humanos e Polícia Comunitária (GCDHPC) e da Corregedoria da Corporação, encerrando o roteiro na sexta-feira, em Pilar.


Cisp Pilar

 

No Cispo do tipo II, a PM possui salas destinadas aos setores de Inteligência, Planejamento de Operações, Posto de Identificação, Centro de Operações (Copom), alojamento para oficiais e praças (masculino e feminino), vestiários, sala de reuniões, reserva de armas e depósito.

 

A Polícia Civil conta com sala para o chefe de operações, cartório distrital e regional; depósito, alojamentos para delegados e agentes e sala de reuniões. A área comum possui copa, recepção, sala para confecção de Boletim de Ocorrência, auditório, depósito e refeitório. O Cisp conta também com cinco celas para pessoas do sexo masculino, feminino e para adolescentes infratores e uma sala especial para a identificação de suspeitos.