Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Segunda, 01 Junho 2020 12:28
BATALHÃO AMBIENTAL

Na Semana do Meio Ambiente, BPA comemora resultados obtidos na preservação da natureza

Unidade Especializada da PM-AL celebra 31 anos de criação no Dia Mundial do Meio Ambiente, 05 de junho

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Whatsapp
  • Google +
Semana do Meio Ambiente acontece de 1º a 05 de junho Semana do Meio Ambiente acontece de 1º a 05 de junho

Todos os anos o Brasil comemora a Semana Mundial do Meio Ambiente entre os dias 1º e 05 de junho, este último é celebrado pela Organização das Nações Unidades e por mais de cem países como o Dia Mundial do Meio Ambiente. O quinto dia do mês também é uma data bastante especial para a Polícia Militar de Alagoas, pois marca a criação do policiamento especializado na proteção da natureza.

Há 31 anos, surgiu dentro da PM-AL a Companhia de Polícia Florestal, que em 2001 virou o Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), dando continuidade com uma estrutura bem maior aos trabalhos de proteção da fauna e flora alagoanas. Em meio às comemorações, o BPA mantém o papel de conscientizar à população em prol do meio ambiente.

“Por causa da pandemia do novo coronavírus não estamos podendo fazer as comemorações merecidas em prol do meio ambiente, mas nós temos continuado os trabalhos de fiscalização e principalmente de conscientização. Recentemente um estudo mostrou que o estado de Alagoas conquistou um destaque inédito, que foi zerar o desmatamento da Mata Atlântica, e isso com certeza é fruto do trabalho do nosso Batalhão e dos demais órgãos de atuação ambiental”, afirmou o comandante do BPA, tenente-coronel Alexandre Saraiva.

O levantamento apontado pelo oficial foi feito pela Fundação SOS Mata Atlântica em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que reuniu dados de 2018 e 2019. A ONG considera zerado quando os registros estão abaixo de três hectares desmatados. O comandante do BPA também reforça que a população tem papel importante nas ações de preservação da natureza.

01 06 2020 bpa2

“O BPA empenha-se na proteção do meio ambiente, mas a ajuda de todos é muito importante e temos registrado uma ótima participação das pessoas nesse trabalho. As denúncias de crimes ambientais podem continuar sendo feitas através do 190 da PM; para o Disque-denúncia, o 181; ou ainda através dos números 3315-4325 ou 98833-5879 que são do nosso Batalhão. Estaremos prontos para atender todos os cidadãos”, finalizou o tenente-coronel Saraiva.

Semana do Meio Ambiente

A Semana do Meio Ambiente começa dia 1º de junho e vai até o dia 5, data em que se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente. Essa data começou a ser comemorada em 1972. É uma homenagem ao dia da abertura da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente, promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU).  Por consequência, em nosso país, celebra-se essa semana, que foi instituída em 1981, através do Decreto Federal 86.028.

O Dia Mundial do Meio Ambiente é o maior evento anual de ação ambiental. O objetivo é apoiar a participação da comunidade nacional na preservação do patrimônio natural do País, promovendo ações de proteção e preservação do meio ambiente.

31 anos de BPA

Criado inicialmente com o nome de Companhia de Polícia Florestal em 05 de junho de 1989, Dia Mundial do Meio Ambiente, nascia o grupamento especializado com a missão de proteger a natureza alagoana. Em abril de 2001, a unidade passou a ser um Batalhão e deu continuidade com uma estrutura bem maior aos trabalhos de proteção da fauna e da flora.

01 06 2020 bpa1

O Batalhão de Polícia Ambiental está situado na APA do Catolé e sempre participa de operações conjuntas, entre elas a Fiscalização Preventiva Integrada da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (FPI), que é coordenada pelo Ministério Público Estadual e chegou a sua 10ª edição em 2019, quando foram fiscalizados mais de 200 pontos.

No ano passado, 12 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) e 17 Autos de Prisão em Flagrante Delito. A Equipe Aquática devolveu ao Velho Chico mais de 15 mil espécies de camarões e peixes apanhados ilegalmente e apreendeu mais de 3.885 petrechos de pesca ilegais. Já a Equipe de Fauna libertou 282 pássaros silvestres que se encontravam em situação de cativeiro ilegal, além de apreenderem uma arma de fogo e 72 carcaças de espécimes silvestres caçadas ilegalmente. Um dos animais resgatados foi uma jaguatirica, espécie nativa da Mata Atlântica e é considerada vulnerável por conta da destruição do seu habitat natural e da caça predatória.

01 06 2020 bpa

Os militares do BPA também atuam com atividades de policiamento ostensivo e preventivo, entre elas, as desenvolvidas pelo Núcleo de Educação Ambiental. Por causa da pandemia, a unidade especializada também não pode realizar a quarta edição da Eco Running, que é uma competição baseada no estilo ‘trail running’ - uma corrida a pé, em um ambiente natural por caminhos, trilhas, montanhas, florestas, dentre outros.

Com informações da Unicesumar