Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Sábado, 20 Fevereiro 2021 14:44
QUALIFICAÇÃO

Alunos do Curso de Formação de Praças iniciam estágio de policiamento ostensivo na Orla de Maceió

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Whatsapp
  • Google +
Os alunos do Curso de Formação de Praças (CFP) iniciaram um estágio de policiamento ostensivo, durante a manhã deste sábado (20), na Orla de Maceió.
 
Com o objetivo de qualificar o aprendizado dos futuros soldados, o exercício é fundamental para que eles possam adquirir conhecimento, experiência e retirar dúvidas sobre como se comportar nas mais diversas situações em que um militar possa se deparar, estando de serviço. Antes de embarcarem, os alunos receberam instruções e puderam participar de uma revisão de técnicas de abordagem.
 
Antes de embarcarem, os alunos participaram de uma revisão sobre técnicas de abordagem
 
Divididos em patrulhas, sempre com a supervisão de um militar graduado, aproximadamente 60 aprendizes reforçaram o policiamento dos bairros da Ponta Verde e Jatiúca, proporcionando uma maior sensação de segurança para quem transitava pela região.
 
Para Thiago Costa, aluno CFP, este primeiro contato com a sociedade é extremamente importante para sua formação.
 
“É gratificante colocar em prática nosso conhecimento adquirido em sala de instrução. O acompanhamento dos instrutores nos permite tirar dúvidas relativas à abordagem, posicionamento, conduta de patrulha, entre outras situações. Precisamos estar atentos e conscientes daquilo que estamos fazendo, pois sabendo da responsabilidade que carregamos ao vestir essa farda”, relatou o aluno.
 
Atento ao que está sendo desenvolvido nas unidades de ensino, o comandante-geral da PM, coronel Wellington Bittencourt, frisou a necessidade de proporcionar ao aluno algo o mais próximo possível da realidade do que é ser um policial militar.
 
“O estágio nos permite complementar as matérias teóricas, os levando a prática para se familiarizar com as atividades fins em que eles serão empregados. Juntamente com o CPC, estamos planejando instruções para que estes futuros soldados possam se deparar com as mais diversas situações a respeito do policiamento ostensivo que ocorre nas ruas”, explicou Bittencourt.