Notícia

POLÍCIA MILITAR

Polícia Militar do Estado de Alagoas
Quarta, 08 Dezembro 2021 12:35
DIFUNDINDO CONHECIMENTO

Policiais militares alagoanos ministram instruções de Low Ligth em cursos da PM de Goiás

Conhecimentos técnicos e táticos foram repassados nos Cursos de Instrutores de Tiro (CIT) e de Operações Especiais (COEsp)

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
  • Whatsapp
  • Google +
Instruções de Low Light ministradas em dois cursos da PM de Goiás por três policiais militares de Alagoas Instruções de Low Light ministradas em dois cursos da PM de Goiás por três policiais militares de Alagoas

Três policiais militares alagoanos têm contribuído bastante com a formação de vários integrantes da Segurança Pública do Brasil. Suas mais recentes participações têm sido as instruções ministradas durante os Cursos de Instrutores de Tiro (CIT) e de Operações Policiais Especiais (COEsp), que estão sendo promovidos atualmente pela Polícia Militar do Estado de Goiás.

Desde o início da semana, o Coronel da Reserva Remunerada Enio Bolivar e os cabos Pedro Tenório, que é do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar de Alagoas, e Klebson Soares, que atua no Grupamento Aéreo da Secretaria de Segurança Pública (SSP/AL), estão em Goiania colaborando com o ensino-aprendizado das especializações.

O oficial e as praças estão ministrando instruções sobre técnicas e táticas de Low Light, que foram iniciadas dentro da PM-AL, que foi a primeira Corporação do país a incluir a disciplina na grade curricular dos seus cursos de formação. O Coronel Bolivar inclusive possui livro publicado sobre a temática e já foi citado como referência numa monografia feita por um capitão da PM de São Paulo.

O curso rápido teve como finalidade repassar o que se tem de mais atualizado na doutrina operacional em ocorrências com pouca luminosidade. Dentro das técnicas demonstradas, a criada pelo Coronel Bolivar, que consiste em empunhar a lanterna adequadamente junto ao armamento.

instruções2

Também foram transmitidos conhecimentos em saber iluminar o ambiente operacional, de modo que, as entradas táticas se tornem mais seguras ao agente policial. Conceitos de tomada de ângulo, deslocamento em patrulha e desorientação do alvo foram explorados dentro da perspectiva de combate operacional. Ainda foi efetivado no curso a prática com o tiro policial, sendo simulados sob stress, o disparo em alvos sob baixa luminosidade em deslocamento, barricados, sempre na ação em movimento.

Com as instruções, a 11ª edição do CIT levou de forma inédita, na última segunda-feira (06), o aprimoramento para o estado do Centro-oeste do país. Nele, além de policiais militares de Goiás, os alunos são bombeiros militares, um policial penal, peritos criminais, um guarda municipal e também um integrante da PM de Roraima. O CIT foi iniciado no final de outubro, deve seguir até o final deste mês e os participantes são capacitados para serem instrutores sobre o emprego e manuseio de armas de fogo.

instruções3

Já a 12ª edição do COEsp começou em 11 de outubro e atualmente conta com policiais militares de Goiás, Distrito Federal, Sergipe e Pará. A especialização qualifica o operador em segurança pública para que o mesmo desenvolva o serviço com o mais alto grau de excelência, levando conhecimentos específicos necessários ao bom desempenho em quaisquer missões com elevado grau de risco, exigência física e psicológica. As aulas de Low Light estão sendo nessa terça-feira (07) e quarta (08).

Para o Coronel Bolivar, as instruções ajudam na difusão das técnicas desenvolvidas na Instituição militar alagoana.

instruções4

“Habilita esses integrantes da Segurança Pública a multiplicar o conhecimento forjado na PM de Alagoas. Uma semente é plantada, capacitando e qualificando esses policiais que passarão o aprendizado para à tropa. Dá muito orgulho em ver que o que desenvolvemos aqui na nossa Briosa esteja sendo difundido para todas as polícias do Brasil”, afirmou o Coronel Bolivar, que na última sexta-feira (03) presenteou o Comandante Geral da PM, Coronel Wellington Bittencourt, com o livro “Baixa Luminosidade: técnicas e táticas”, de sua autoria.

Na ocasião, o Coronel Bittencourt aproveitou a oportunidade para ressaltar a importância da produção literária dentro da Corporação.

“É de suma importância essa produção dos nossos militares. Muito nos orgulha ter uma produção nascida na nossa Briosa sendo referência no Brasil e internacionalmente acerca desses procedimentos técnicos que produz, além do sucesso nas operações, a segurança do nosso policial militar”, enalteceu o Comandante.

08 12 2021 instruções